Os projetos mais ambiciosos são aqueles que nos dão a maior satisfação, exigindo uma grande dose de sacrifício e perseverança.

Por isto, é compreensível que as vezes sejamos tentados a se perder na metade do caminho. No entanto, quando você fica sem motivação, fica também propenso a desistir.

O problema é que nesse momento, só percebemos o caminho que temos que percorrer e não percebemos o caminho que percorremos.

Infelizmente, muitas vezes abandonamos nossos sonhos apenas porque não estamos plenamente conscientes das coisas que alcançamos durante o caminho, os pequenos passos que tomamos. Quando nos concentramos apenas nas falhas, perdemos motivação e corremos o risco de abandonar quando estamos prestes a alcançar nosso objetivo.

Isto é devido, em parte, ao fato de que nossa sociedade apenas nos ensinou a punir-nos por erros, mas não a nos recompensar por todas as conquistas.

No campo do crescimento pessoal, essa realidade é ainda mais evidente. Consideramos mudanças transcendentais, mas quando ocorre um retrocesso, ficamos desanimados e abandonados, sem perceber tudo o que conseguimos.

Portanto, de tempos em tempos é necessário fazer um balanço de nossas realizações, é provável que estejamos crescendo emocionalmente sem perceber.

Quais são os sinais que indicam que você está crescendo emocionalmente?

1. “Deixar ir” as coisas que te machucam

Aprender a deixar ir, concentrando-se nas coisas que realmente valem a pena e evitando aqueles que nos magoam ou nos incomodam, é uma habilidade chave para ter sucesso, acima de tudo, alcançar equilíbrio emocional.

No entanto, também é uma habilidade muito difícil desenvolver. Portanto, o simples fato de aprender a reconhecer pessoas tóxicas e saber como lidar com seu comportamento sem gerar culpa ou raiva já é um grande passo. Felicite-se porque poucas pessoas conseguem isso.

2. Aprender com erros

Ninguém é perfeito, ninguém pode afirmar que ele nunca se enganou. Por essa razão, para se livrar do perfeccionismo e aceitar que os erros são parte do caminho e que eles são até valiosos, é um sinal de que você amadureceu.

Quando entendemos os erros como oportunidades para crescer, a nossa perspectiva muda completamente e podemos realizar projetos mais ambiciosos sem medo de ficar a meio caminho.

Então, sabemos que cada erro não é um retrocesso, mas um passo mais que nos aproxima do objetivo.

3. Parar de reclamar

As queixas são geralmente um buraco negro através do qual a energia escapa porque eles não levam a soluções, mas apenas geram um desconforto ainda maior que nos faz ver o mundo sob um prisma cinza.

No entanto, as pessoas mais equilibradas e bem-sucedidas não têm o hábito de chorar sobre o leite derramado, eles imediatamente colocam suas mãos para trabalhar e tentam resolver o problema.

Se você está agindo mais e se queixando menos, é porque você está crescendo emocionalmente.

4. Celebrar o sucesso de outros

Aplaudir o sucesso das pessoas é um sinal de maturidade, indica você não sente inveja e entende que o sucesso dos outros não significa que você falhou.

Ser capaz de reconhecer o trabalho e esforço dos outros, em vez de criticar e depreciar não só cria um bom clima, mas envolve uma mudança de atitude que vai beneficiar você.

5. Relações pessoais menos conflituosas

O mundo não é conflituoso, há apenas egos muito grandes que colidem uns com os outros e dão origem a conflitos que poderiam ter sido evitados.

Parte da maturidade significa parar de ver as relações interpessoais como um campo de batalha em que há vencedores e perdedores.

Quando seus relacionamentos são mais fluidos, você consegue trabalhar melhor e se sente mais à vontade, é porque você amadureceu e aprendeu que é melhor ter paz do que estar certo.

6.Não tem medo de pedir ajuda

Pedir ajuda não significa ser fraco. Na verdade, é um sinal de força e autoconfiança.

Pedir ajuda significa que você reconhece que você não pode fazer algumas coisas sozinho e está sendo humilde o suficiente para reconhecer seus pontos fracos e depender com os outros.

7. Aprendeu a abrir-se emocionalmente

O amor é arriscado. Amar significa se render, consequentemente, nos expor a alguém que pode nos machucar.

Por isso, muitas vezes tememos em se comprometer e se fechamos quando alguém aproxima. No entanto, quando amadurecemos emocionalmente, percebemos que a melhor aposta é abrir nossos corações.

É verdade que podemos ser rejeitados ou deixados magoados, mas teremos a certeza de que vivemos, experiências preciosas e emocionalmente conectadas com alguém significativo para nós.

8. Não se importar com o que os outros pensam

É óbvio que a opinião das pessoas ao seu redor é importante, mas, em certo ponto da vida, estas pessoas devem ser só sugestões, e não diretrizes que determinam a sua vida.

Maturidade vem quando você é capaz de conviver com os outros, sem ficar muito influenciado pelas expectativas que eles têm sobre você.

Lembre-se que “a vida não se trata de encontrar-se, a vida é sobre criar-se “, de acordo com o escritor irlandês George Bernard Shaw

Traduzido e adaptado pela equipe da Revista Bem Mais Mulher
Fonte: Rincon Psicologia

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher

Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS