Alguns tipos de animais e plantas, inevitavelmente acabam extintos por conta das condições do nosso Planeta, que mudam o tempo todo. Muita gente já aceita o fato de que muitos animais estão em vias de extinção, mas e quanto às plantas? Por que será que elas estão nesta situação?
O Incrível.club resolveu investigar que alimentos podem sumir de nossas mesas em breve, e os motivos que podem levar à sua extinção.

Banana
Doenças causadas por fungos


Uma equipe internacional de cientistas, que trabalham nos Países Baixos, Austrália e Estados Unidos, descubriu que a popular banana nanica pode sumir por completo em algumas décadas.
O motivo é um fungo, chamado “Corrida tropical 4“ (tropical race 4, TR4), que afeta as raízes das bananeiras. Isso já aconteceu uma vez, na primeira metade do século 20, com a variedade de bananas chamada de ”Gros Michel”.
Atualmente, o TR4 vem se espalhando pelo Paquistão, Filipinas e Indonésia, chegando à África e Austrália. O Brasil, por enquanto, é livre da doença. Os agricultores e nós, consumidores, agradecemos.

Vinho
Aquecimento global

Dentro de 20-25 anos, os mais antigos vinhedos da França, Argentina e Chile podem acabar sendo declarados impróprios para o cultivo de videiras. O motivo é o aquecimento global. Por conta das temperaturas mais elevadas, a uva amadurece num curto espaço de tempo, ficando impedida de produzir as qualidades que fazem um bom vinho. Pesquisadores supõem que a indústria do vinho cairá entre 70 e 80%, o que pode levar a um aumento considerável nos preços.

Mel
Síndrome do colapso das abelhas

Estudiosos perceberam que a população da espécie mais útil e comum de abelhas está diminuindo drasticamente. Este fenômeno se chama “síndrome do colapso das abelhas” e acontece quando, de repente, todas as abelhas abandonam a colmeia para nunca mais voltar. Os motivos ainda são um mistério, mas suspeita-se dos micro-organismos patogênicos e dos ácaros Varroa.
Se o problema não for resolvido, as abelhas produtoras de mel sumirão em 20 anos. Isso afetará o funcionamento de toda a biosfera, já que muitas plantas dependem das abelhas para a polinização.

Café
Doenças causadas por fungos

Pesquisadores do Instituto Australiano do Clima concluíram que, em 2050, o número de áreas agrícolas que cultivam pés de café cairá pela metade. E em 2080, as plantas sumiriam totalmente da face da Terra.
A razão, mais uma vez, é o aquecimento global: com o aumento da temperatura, as plantações estão sendo cada vez mais afetadas por fungos. Só em 2012, eles fizeram com que produtores de café da Guatemala perdessem 85% da colheita. Se a situação continuar, os fanáticos por café precisarão mudar de hábitos: por dia, 2,25 bilhões de xícaras da bebida são consumidas no mundo. E o consumo aumenta 5% por ano.

Peixes
Pesca em larga escala

Ecologistas chegaram à conclusão de que, por volta do ano 2050, o mundo pode encarar o problema do extermínio completo dos peixes com fins comerciais. Por enquanto, as capturas dessas criaturas superam entre 50% e 60% os limites que a natureza consegue repor. Nos resta esperar que a indústria do setor reveja suas práticas, já que esta é a única maneira de salvar os peixes que compõem nossa mesa.

Chocolate
Doenças e envelhecimento das árvores, secas

É provável que, daqui a 50 anos, a Terra não possa mais contar com o chocolate. Ou então que o alimento se torne caríssimo. A escassez de cacau tem várias razões.

A primeira é a vassoura de bruxa, doença que atinge a árvore do cacau e que já acabou com quase um terço da colheita em todo o mundo — e que tem efeitos terríveis na produção do sul da Bahia, principal região cacaueira do Brasil. A segunda é a seca em Gana e na Costa do Marfim, que respondem por quase 70% do cacau produzido no mundo. O terceiro motivo é o envelhecimento das árvores de cacau. Elas devem ser plantadas em uma base regular para uma produção ininterrupta, o que nem sempre acontece. Enquanto isso, a demanda por chocolate continua crescendo.

Vôngoles
Mudança climática

Segundo dados obtidos, as mudanças climáticas vêm elevando as temperaturas do mar em todas as regiões do planeta. E por conta da diluição das águas do oceano global, a concentração de sal na camada superficial da água marinha acaba diminuindo. Essas mudanças provocarão um impacto negativo nos micro-organismos marinhos: bactérias e plâncton, o que, por sua vez, afetará o nível seguinte da cadeia alimentar, ou seja, mexilhões e outras criaturas filtradoras.

Abacate
Secas

Cultivar abacate é cada vez mais difícil e caro. Para cultivar 1 kg desta fruta, é necessária uma quantidade enorme de água (cerca de 272 litros). Na Califórnia, que produz a maior parte dos abacates consumidos nos EUA, houve uma forte seca nos últimos anos. Se o clima continuar mudando, outras regiões e países que também produzem abacate podem ter o mesmo destino.

Cerveja
Mudanças na composição química do lúpulo

Ainda que a cerveja esteja longe do desaparecimento completo, pesquisadores e fabricantes da bebida estão preocupados com o fato de que, em breve, seu sabor característico acabe sendo alterado. Por conta do aumento da temperatura, o teor de alfa ácidos no lúpulo, responsável pelo sabor amargo da cerveja, pode ser reduzido. A maneira de evitar esta situação pode ser o cultivo de novas variedades de lúpulo, com alto nível de alfa ácidos.

Xarope de bordo
Invernos mais curtos

O xarope de bordo não é um alimento comum para todos os terráqueos, mas ainda assim muita gente o consome ou ao menos já ouviu falar dele. Pois bem, talvez ele se torne, em breve, algo do passado.
Para produzir esta substância em quantidade suficiente para atender à demanda, os bordos precisam de um longo inverno. Só que que os invernos nos EUA e Canadá estão cada vez mais curtos, comprometendo a produção do xarope.
Temos muita esperança de que a ciência encontrará uma maneira de salvar da extinção plantas e animais, além, é claro, dos nossos alimentos preferidos. Eles conseguiram impedir o sumiço dos pandas gigantes, não conseguiram?
A nós, cabe a tarefa de ajudar no combate ao aquecimento global. E como fazer isto? Neste post, nós damos algumas dicas.

Foto de abertura mazzzur/depositphotos, papa42/depositphotos
Produzido com base em material de businessinsider, metro

FONTEIncrívelclub
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher

Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS