Existem diversas palavras no português que, por diversos motivos, são pronunciadas de forma errada pela maioria dos falantes. Mesmo que você não cometa esses erros, com certeza conhece muitas pessoas os cometem e acaba ouvindo esses erros com muita frequência.

  1. “Asterístico”
    A forma correta é asterisco. Indica um sinal gráfico em forma de estrela (*).
    O asterisco indica que há uma nota de rodapé.
    Utiliza um asterisco para fazer a citação.
  2. “Bicabornato”
    A forma correta é bicarbonato. Indica o sal derivado do ácido carbônico.
    Tenho que comprar bicarbonato de sódio porque já acabou.
    Esse bolo é feito com bicarbonato de sódio?
  3. “Toráxico”
    A forma correta é torácico. Refere-se a alguma coisa relacionada com o tórax.
    A caixa torácica protege os pulmões e o coração.
    O paciente sofreu uma distensão dos nervos torácicos.
  4. “Supérfulo”
    A forma correta é supérfluo. Refere-se a alguma coisa que é dispensável e desnecessária.
    Sou contra a compra desse material porque parece ser um gasto supérfluo.
    Por favor, retire do comunicado toda a informação supérflua.
  5. “Beneficiente”
    A forma correta é beneficente. Indica algo ou alguém que faz caridade e ajuda os mais necessitados.
    Minha avó está organizando um jantar beneficente.
    Os lucros do concerto beneficente reverterão para ajudar os refugiados.
  6. “Metereologia”
    A forma correta é meteorologia. Indica o estudo dos fenômenos atmosféricos, visando a previsão do tempo.
    A meteorologia prevê dias de sol e calor.
    Todos os dias eu consulto sites de meteorologia.
  7. “Previlégio”
    A forma correta é privilégio. Refere-se a uma vantagem ou direito concedido a apenas algumas pessoas.
    Você nem reconhece os privilégios que tem.
    O acesso a uma boa educação é um privilégio, mas deveria ser um direito de todos.
  8. “Losângulo”
    A forma correta é losango. Refere-se a um quadrilátero com dois ângulos agudos, dois obtusos e os lados iguais.
    A praça tem o formato de um losango.
    Qual a diferença entre o losango e o quadrado?
  9. “Triologia”
    A forma correta é trilogia. Indica o conjunto de três obras sequenciais que se complementam.
    Minha trilogia preferida é “O Senhor do Anéis.”
    Nunca vi o último filme dessa trilogia.
  10. “Reinvindicar”
    A forma correta é reivindicar. Indica o ato de exigir alguma coisa e de assumir algo.
    Iremos reivindicar nossos direitos até sermos ouvidos.
    Ainda ninguém reivindicou a autoria dos atentados.
  11. “Poliomelite”
    A forma correta é poliomielite. Refere-se a uma doença infecciosa que causa o enfraquecimento e a paralisia de alguns músculos.
    Meu filho foi vacinado contra a poliomielite.
    Febre, cansaço e vômitos são sintomas da poliomielite.
  12. “Conhecidência”
    A forma correta é coincidência. Refere-se ao acontecimento casual de várias situações relacionadas.
    Você aqui também? Que coincidência!
    O que aconteceu foi uma mera coincidência.
  13. “Compania”
    A forma correta é companhia. Indica o ato de ser acompanhante ou de acompanhar alguém.
    Você é sempre uma boa companhia.
    Se você não quiser minha companhia, é só dizer!
  14. “Célebro”
    A forma correta é cérebro. Indica o principal órgão do sistema nervoso central dos animais.
    O cérebro humano deve ser frequentemente exercitado.
    O cirurgião retirou um tumor do cérebro do paciente.
  15. “Entertido”
    A forma correta é entretido. Refere-se ao estado de quem está distraído ou absorto em alguma coisa.
    Meu filho está entretido com seus brinquedos.
    Estava tão entretido que nem notei que você foi embora.
  16. “Madastra”
    A forma correta é madrasta. Refere-se à mulher do pai de uma pessoa, sem ser a sua mãe.
    A minha personagem da peça será a madrasta da Branca de Neve.
    Vocês já conhecem a minha madrasta?
  17. “Milhonário”
    A forma correta é milionário. Indica uma pessoa extremamente rica, que possui milhões em dinheiro, ações, títulos,…
    Quem me dera ser milionário!
    Ele é um dos principais milionários do Brasil.
  18. “Intrevista”
    A forma correta é entrevista. Indica um diálogo ou encontro entre várias pessoas, com diferentes propósitos.
    Amanhã irei a uma entrevista de emprego.
    Já terminou a entrevista com o Presidente da República.
  19. “Degladiar”
    A forma correta é digladiar. Refere-se ao ato de combater corpo a corpo com espada ou ao ato de discutir.
    Os lutadores vão digladiar na arena.
    Os competidores começaram a digladiar sem motivo nenhum.
  20. “Impecilho”
    A forma correta é empecilho. Refere-se a qualquer tipo de obstáculo ou impedimento.
    Não quero ser um empecilho na sua vida!
    Está tudo bem, não tivemos que lidar com nenhum empecilho.

Além das palavras acima apresentadas, existem muitas outras palavras pronunciadas de forma errada pelos falantes, como:

poblema ou pobrema (correto: problema);
cabelelero (correto: cabeleireiro);
cocrante (correto: crocante);
mindingo (correto: mendigo);
imbigo (correto: umbigo);
priguiça (correto: preguiça);
trabisseiro (correto: travesseiro);
frustado (correto: frustrado);
pertubar (correto: perturbar);
padastro (correto: padrasto);
estrupo (correto: estupro);
sombrancelha (correto: sobrancelha);
mortandela (correto: mortadela);
iorgute (correto: iogurte);
cardaço (correto: cadarço);
largata (correto: lagarta);

FONTEDuvidas.dicio
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher

Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS