Se você é daqueles que passa mais tempo procurando o que assistir do que de fato assistindo, seja bem-vindo ao clube, resolvemos separar alguns filmes que raramente aparecem nos destaques do serviço de streaming, mas que merecem mais atenção.

Confira quais são eles:

1 – O Abutre (2014)

Produzido e estrelado por Jake Gyllenhaal, o filme acompanha a jornada de Lou, um homem desempregado que começa a filmar crimes e acidentes da noite de Los Angeles, nos Estados Unidos, e vender as gravações para redes de televisão.

Apesar do baixo orçamento, a produção foi bem recebida pela crítica e, em 2015, foi indicada ao Oscar de Melhor Roteiro Original.

2 – Final Girl (2015)

Em inglês, “final girl” é o estereótipo que define a última mulher a confrontar o assassino ou o a criatura monstruosa em filmes de terror. Geralmente ela é a última a sobreviver, como acontece em Alien (1979) e Pânico (1996), por exemplo. Neste filme, Abigail Breslin (de Pequena Miss Sunshine) vive Veronica, uma moça que foi treinada desde a infância para ser uma “final girl” e que recebe a missão de confrontar um grupo de rapazes que vêm assassinando mulheres.

O longa experimental é o primeiro do fotógrafo Tyler Shields, conhecido nos Estados Unidos por tirar fotos super produzidas e surreais e celebridades.

3 – O Que Fizemos nas Sombras (2014)

Uma equipe de documentário acompanha a vida de um grupo de vampiros que vive atualmente na cidade de Wellington, na Nova Zelândia: o resultado é uma comédia que mostra a tensão na rotina doméstica das criaturas das sombras.

Sucesso em festivais independentes, o filme foi dirigido por Taika Waititi, responsável por Thor: Ragnarok, que estreia no Brasil no fim de 2017.

4 – Amor Pleno (2013)
https://www.youtube.com/results?search_query=Amor+Pleno+%282013%29+trailer

No filme de Terrence Malick, Ben Affleck e Olga Kurylenko interpretam um casal que se apaixona na França, mas que se vêm obrigados a confrontar as complicações do próprio relacionamento ao se mudarem para os Estados Unidos.

Considerado o melhor filme de 2013 pela revista The New Yorker, o longa conta ainda com Rachel McAdams e Javier Bardem no elenco.

5 – Very Good Girls (2013)

Amizade e amadurecimento são os principais temas de Very Good Girls, estrelado por Dakota Fanning e Elizabeth Olsen. Entre o período do fim do colegial e o início da faculdade, as duas amigas ficam divididas ao se interessarem pelo mesmo rapaz.

O filme marca a estreia de Naomi Foner (mãe dos atores Maggie e Jake Gyllenhaal) na direção.

6 – A Voz de uma Geração (2013)

De quantos trailers de filmes narrados por uma mulher você consegue se lembrar? Pois é. A premissa deste longa é justamente questionar a falta de vozes femininas a partir de Carol, uma treinadora vocal talentosa que tenta se inserir na indústria da narração, que é dominada pelos homens.

A Voz de uma Geração foi escrito, dirigido e estrelado por Lake Bell, e conta com Eva Longoria e Nick Offerman no elenco.

7 – Adaptação (2002)

O longa é uma grande metalinguagem. Nele, Nicolas Cage interpreta os gêmeos Charlie Kaufman (roteirista real do filme) e Donald Kaufman (personagem fictício). Enquanto Charlie tenta desesperadamente e falha em adaptar um livro para um roteiro, seu irmão, a quem considera menos talentoso, começa a fazer sucesso escrevendo filmes de ação.

Dirigido por Spike Jonze (responsável por Onde Vivem os Monstros e Ela), Adaptação recebeu quatro indicações ao Oscar de 2003: Melhor Roteiro para Charlie Kaufman, Melhor Atriz Coadjuvante para Meryl Streep, Melhor Ator para Nicolas Cage e Melhor Ator Coadjuvante para Chris Cooper, que levou a estatueta para casa.

8 – Loucamente Apaixonados (2011)

Durante um intercâmbio nos Estados Unidos, a britânica Anna se apaixona pelo americano Jacob. Ao perder seu visto norte-americano, ela precisa voltar para a Inglaterra, o que complica o relacionamento dos dois. O filme acompanha o casal ao longo dos anos, e como a distância afeta a relação.

Baseado na experiência de vida do diretor, Drake Doremus, o longa é estrelado por Felicity Jones e Anton Yelchin (que faleceu em 2016) que, sem roteiro, improvisaram todas as falas de seus personagens.

9 – Entre Risos e Lágrimas (2014)

Uma das comédias românticas mais inusitadas do catálogo. O filme conta a história da comediante Donna, uma jovem que decide ter um aborto após engravidar de um caso de uma noite só. No entanto, depois de tomar a decisão, ela acaba conhecendo melhor o rapaz com quem se relacionou — e se apaixonando por ele.

Sucesso em Sundance, festival de filmes independentes, o longa foi produzido, escrito e dirigido por mulheres — Elisabeth Holm e Gillian Robespierre, respectivamente.

TEXTO DE ISABELA MOREIRA
FONTEGalileu
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS