Aprendi com os mais velhos e sábios que, quando temos um problema difícil de ser resolvido, que nos tira a paz, precisamos nos afastar de tudo e arrumar o ambiente ao nosso redor.

Entendi que o quarto bagunçado, a casa, a bolsa, a gaveta ou guarda-roupa, o carro, são espelhos da nossa vida interior! E… vice-versa! Ou seja, um ambiente desorganizado acaba influenciando e dando espaço para que os sentimentos negativos tomem conta dos nossos pensamentos, e, por outro lado, manifesta-se no exterior o que está acontecendo no nosso interior.

Mas, então, você pode estar se perguntando: “- E o que explica o meu caso? Sou uma pessoa extremamente organizada e metódica, mas infelizmente minha vida pessoal não anda nada bem!”

Resultado de imagem para vida bagunçada gif

Na verdade, muitas pessoas se esmeram em ordenar tudo por fora, tornar o ambiente externo perfeito para compensar e mascarar o seu próprio desequilíbrio interior. Na vida familiar ou social são assombradas por constantes desentendimentos e conflitos, relacionamentos conturbados e discussões que aparentemente acontecem por qualquer bobeira ou nenhuma razão.

Então eu pergunto se, analisando lá no fundo, não há algo bem escondido dentro da sua alma. Algo oculto e que precisa ser revelado. Talvez uma mágoa recente ou muito antiga, talvez até ocorrida na sua infância. Ou então, o coração esteja contaminado pelo orgulho, e tudo isso se manifeste dessa forma tão peculiar na sua vida. Saiba que a poeira do ressentimento do passado, que se acumula com o passar do tempo, é capaz de roubar o brilho da sua vida, e confundir os seus sentimentos!

São muitas as hipóteses e, sinceramente, não sei qual o seu real motivo. O que eu desejo apenas é que, nesse momento, você pare, analise e identifique onde está a raiz do problema que está atrapalhando a sua existência. E então, assuma que seus pensamentos, palavras e atitudes foram, de alguma forma, responsáveis pelas dificuldades que hoje você enfrenta. Feito isso… É hora de arrumar suas gavetas!

Você pode se justificar dizendo que possui muitas responsabilidades e que, por falta de tempo, muitas coisas na sua vida não ficam tão bem esclarecidas ou acertadas, pois você acaba tendo que priorizar alguns assuntos e deixando outros sem solução. Ou então pode simplesmente falar que a preguiça e, principalmente o temor de mexer nos assuntos delicados do passado, impedem de resolver o que é preciso.

Não importa! Eu somente lhe digo, sem medo de errar que, “arrumar as gavetas” é uma atitude simbólica do seu desejo e esforço em mudar o que está negativo dentro de você, e também fora!

O universo funciona assim: o que está dentro influencia o que está fora. E, por outro lado, o que está fora contamina o que está dentro. Por esse motivo, lembre-se sempre que você tem a chave para iniciar a sua própria organização pessoal.

No momento em que você “limpa a sua gaveta” e, metaforicamente falando, joga fora aquilo que não lhe acrescenta, livra-se das pessoas que não contribuem para o seu crescimento e atrapalham a sua evolução, está reprogramando simbolicamente o seu interior. E este é um dos grandes segredos de como alcançar serenidade e respostas para seus problemas mais difíceis.

Comece perdoando a si mesmo e a todos que lhe fizeram mal. Mude sua atitude em relação às pessoas que estão ao seu redor, sua família, seus amigos e colegas de trabalho. Sorria mais, agradeça mais, elogie mais e… critique menos! Volte-se para o que é simples e essencial, e deixe de lado o que é supérfluo e desnecessário. Permita que DEUS esteja presente no seu dia e ore mais! Entregue suas dificuldades para Ele, faça a sua parte com o coração limpo e colha os frutos que certamente virão!

Arrume suas gavetas, aclare suas ideias, torne o seu coração mais leve, e comece a ser feliz!”

FONTEDrFabioAugusto
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS