Por Redação da Revista Bem Mais mulher

A violência contra mulheres  constitui-se em uma das principais formas de violação dos direitos humanos, atingindo-as em seus direitos à vida, à saúde e à integridade física. Ela é estruturante da desigualdade de gênero.

Em trecho do programa Casos de Família, do SBT, a apresentadora Christina Rocha apresentou uma denúncia para a Polícia Militar em relação a um participante do programa.

“Nunca peguei homem violento. Ele foi o primeiro” disse a participando do quadro, o agressor imediatamente retrucou:  “O máximo que fiz foi pegar você pelo pescoço e te jogar na cama”. 

Outro participante do quadro que conhecia o casal, revelou que havia violência entre os dois, e o agressor acabou confessando: “Bato de novo. Desço a mão mesmo”.

Vem aqui prender esse cara!

Logo após ouvir isso a apresentadora não teve dúvida, ligou para a Polícia para denunciar os abusos. “Estou aqui no programa e tem um agressor de mulher que diz, literalmente, que bate e vai bater nela depois que sair do programa. Tem como alguém vir aqui para prender esse cara?” solicitou a apresentadora.

Toda a situação foi real, garante a apresentadora, que publicou o ocorrido no Instagram.

Assista:

Lei Maria da Penha

A Lei Maria da Penha (nº 11.340 / 2006), diz que todos os crimes e agressões físicas e  psicológicas contra a mulher, serão passivas de medidas protetivas e prisão preventiva caso o agressor descumpra a decisão da justiça.

Nos casos de abuso, é possível entrar em contato com as Delegacias de Defesa da MulherConsulte aqui o telefone e endereço das nove unidades distribuídas pela cidade de São Paulo.

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.