O legal de filmes baseados em fatos reais é que, além de entregarem boas tramas, também servem pra aprendizado e boas aulas de história. O catálogo Netflix está repleto de produções assim.

Nessa lista, selecionamos 8 dramas inspirados em acontecimentos verídicos disponíveis no serviço de streaming.

ATÉ O ÚLTIMO HOMEM 
Durante a Segunda Guerra Mundial, o médico do exército Desmond T. Doss (Abdrew Garfield) se recusa a pegar em uma arma e matar pessoas, porém, durante a Batalha de Okinawa ele trabalha na ala médica e salva mais de 75 homens, sendo condecorado. O que faz de Doss o primeiro Opositor Consciente da história norte-americana a receber a Medalha de Honra do Congresso.

CONEXÃO ESCOBAR
Flórida, 1985. Robert Mazur (Bryan Cranston) é um oficial da alfândega que recebe a missão de trabalhar infiltrado, com o objetivo de eliminar um cartel de drogas cuja origem está em Pablo Escobar, chefe do tráfico em Medellín. Para tanto ele recebe a ajuda de Emir Abreu (John Leguizamo), seu colega de trabalho, e se apresenta como alguém capaz de lavar o dinheiro gerado pelas drogas nos Estados Unidos.

A MULHER MAIS ODIADA DOS ESTADOS UNIDOS
Original Netflix. Na década de 1960, a ativista ateísta Madalyn Murray O’Hair decidiu lutar contra a religiosidade de seu país com o objetivo de criar uma sociedade mais laica ao conseguir que a Suprema Corte dos Estados Unidos derrubasse a obrigatoriedade da leitura da Bíblia nas escolas públicas. No entanto, este ato político gerou uma verdadeira onda de perseguições e ódio que Madalyn nunca pôde prever.

CAPITÃO PHILLIPS
Richard Phillips (Tom Hanks) é um comandante naval experiente, que aceita trabalhar com uma nova equipe na missão de entregar mercadorias e alimentos para o povo somaliano. Logo no início do trajeto, ele recebe a mensagem de que piratas têm atuado com frequência nos mares por onde devem passar. A situação não demora a se concretizar, quando dois barcos chegam perto do cargueiro, com oito somalianos armados, exigindo todo o dinheiro a bordo. Baseados em fatos reais.

NISE – O CORAÇÃO DA LOUCURA
Ao voltar a trabalhar em um hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro, após sair da prisão, a doutora Nise da Silveira (Gloria Pires) propõe uma nova forma de tratamento aos pacientes que sofrem da esquizofrenia, eliminando o eletrochoque e lobotomia. Seus colegas de trabalho discordam do seu meio de tratamento e a isolam, restando a ela assumir o abandonado Setor de Terapia Ocupacional, onde dá início a uma nova forma de lidar com os pacientes, através do amor e da arte.

O HOMEM QUE VIU O INFINITO
Uma verdadeira história de amizade que mudou a matemática para sempre. Em 1913, Ramanujan, um gênio da matemática autodidata da Índia viaja para a o Colégio Trinity, na Universidade de Cambridge, onde ele se aproxima do seu mentor, o excêntrico professor GH Hardy, e luta para mostrar ao mundo a brilhantia de sua mente.

118 DIAS
Maziar Bahari (Gael García Bernal) é um jornalista iraniano que trabalha para a revista americana Newsweek e vive em Londres, ao lado da esposa grávida. Ele é enviado para cobrir as eleições presidenciais no Irã em 2009, onde o atual presidente Mahmoud Ahmadinejad corre o risco de não se reeleger. Após uma vitória folgada de Ahmadinejad, rumores de que a eleição teria sido fraudada provocam diversas manifestações populares, algumas repelidas com violência pela polícia local. Baseados em fatos reais.

LION – UMA JORNADA PARA CASA
Baseado no livro autobiográfico de Saroo Brierley, chamado A Long Way Home, o filme é estrelado por Dev Patel (Quem Quer ser um Milionário?), Nicole Kidman (Olhos da Justiça), David Wenham (300: Ascensão do Império) e Rooney Mara (Carol). O longa traz a jornada real de um menino indiano de 5 anos, que se perde nas ruas de Calcutá, a milhares de quilômetros de casa. Após sobreviver a diversos desafios, é adotado por um casal australiano. Vinte e cinco anos depois ele parte para uma nova jornada afim de encontrar sua família perdida.

FONTECronicasagora
COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher

Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS