Por Shelly Bullard

A química tem um propósito,não é aleatório; não é um acaso.

Há informações essenciais na atração que ocorre entre duas pessoas. É importante para nós sabermos o que é a química, para que possamos usá-la para sentir mais amor em nossas vidas.

Sem entendermos que há uma ordem secreta para amar, nos sentimos fora de controle. E ninguém gosta disso.

Não se preocupe, você não está fora de controle. Você está apenas amando. E há uma razão pela qual você sente uma forte atração química por certas pessoas.

Eu ouço pessoas falando sobre química como se fosse uma coisa ruim. Como se devêssemos ter cuidado com as pessoas que mais nos atraem. E entendo por que isso é um aviso comum: Porque essas pessoas tendem a trazer os nossos problemas para a superfície.

É verdade que a forte atração faz um passeio selvagem no amor. Mas a questão é: isso realmente é uma coisa ruim?

Algumas pessoas vão dizer que sim. Claro, se você quer que a vida seja fácil, então o caminho da forte atração não é para você (Nota: Existe um caminho fácil? Eu ainda estou tentando descobrir isso). Claro, todos nós queremos que o amor seja descomplicado. Mas nós somos complicados! Então, por que nossos relacionamentos seriam diferentes?

De uma perspectiva espiritual, o amor é um passeio selvagem. Isso não significa que nos mantemos em relacionamentos que são abusivos ou nos sentimos horríveis. Mas isso significa que reconhecemos que o amor vai fazer-nos crescer em versões mais completas de nós mesmos. E isso não é fácil!

Sentimentos como insegurança, dúvida, medo, ciúme, julgamento e desprezo (todos os sentimentos do ego) aparecerão com as pessoas que mais desejamos. Por causa disso, muitos de nós categorizamos esses relacionamentos altamente atraentes como “ruins” ou “não saudáveis”. Espiritualmente falando, no entanto, esses relacionamentos estão fazendo o que devem fazer – eles estão provocando o seu ego à superfície para que você possa transformá-lo.

Quando nos lembramos de que as relações são destinadas a nos ensinar crescimento, nos aproximamos do “mal” de forma muito diferente. Sabemos que há uma lição em cada desafio – essa lição é recuperar a conexão com o amor.

Lições de amor assumem muitas formas diferentes. Às vezes, reconectar-se com o amor significa abandonar o relacionamento. Às vezes, se reconectar com o amor significa ficar por perto e trabalhar com os desafios. Às vezes, a lição é aprender a perdoar seu parceiro. Às vezes a lição é aprender a perdoar a si mesmo.

Sim, todos nós queremos paz em nossos relacionamentos, eles deveriam ser felizes e serenos. E quando eles não são, sabemos que saímos do caminho do amor e temos que voltar aos trilhos. É assim que crescemos.

Não ignore ou subestime a química que você sente; Lembre-se de que existe por um motivo. As pessoas pelas quais você tem atração são seus maiores professores apaixonados. Apareça para as lições que eles têm para você.

Texto originalmente publicado no Mindbodygreen, livremente traduzido e adaptado pela equipe da Revista Bem Mais Mulher

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.