Carla Rovene de 25 anos e o esposo Alan Xavier de 22, enfrentam um trajeto de 18 quilômetros feitos de bicicleta, durante a madrugada para voltar do trabalho.

O cansativo e arriscado trajeto é feito sempre de terça a domingo, já está com os dias contados. Tudo porque após uma publicação de Carla viralizar nas redes sociais, uma dentista se comoveu com a história de amor do casal e organizou uma arrecadação para presenteá-los com uma motocicleta nova.

Na publicação que viralizou Carla se declara para o noivo, que pedala 36 quilômetros diariamente para buscá-la no serviço, ela trabalha das 11h às 2h em um restaurante no bairro de Nazaré, em Belém, mas precisa voltar para o kitnet alugado onde mora com Alan e os dois filhos do casal no conjunto Guajará 1, no bairro do Coqueiro, em Ananindeua.

Por não ter condições financeiras para comprar um carro ou uma motocicleta, e não existir transporte público durante a madrugada, a solução encontrada foi uma bicicleta usada que Alan comprou há cerca de quatro meses de um amigo.

Veja publicação de Carla que viralizou nas redes sociais:

https://www.facebook.com/photo.php?fbid=2272791592956069&set=a.2242983479270214&type=3

“Nunca imaginei que uma publicação que fiz para agradecer o esforço dele teria uma repercussão tão grande”, disse Carla. “Saiu em vários sites, inclusive a nível nacional. A dentista, que trabalha no Amapá, viu a notícia e entrou em contato comigo pela rede social. Ela criou um grupo no WhatsApp com vários amigos que estão arrecando dinheiro para comprar um moto. Vão mandar de presente para a gente”, disse Carla

Alan que ainda não tem habilitação para moto, vai providenciar a mesma mais rápido possível: “ele vai tirar habilitação para moto, isso deve facilitar muito a nossa vida. Vai diminuir o tempo de percurso para gente e nos deixar mais tranquilos para andar nesse horário”. contou Carla

O casal já vive junto há três anos e tem dois filhos: Ryan, 4, e Lorenzo, 1. O casal têm planos de oficializar a união em 2019.

“Queremos muito casar ano que vem, mas vivemos apenas com a renda que ganho no restaurante e com algum dinheiro que ele consegue fazendo bicos, por isso não dá para ter esse gasto”, revela Carla.

“É muito difícil manter o Ryan na escola e pagar o aluguel de onde moramos. O Alan está desempregado, porque a empresa onde ele trabalhava faliu. Com o seguro desemprego, comprou nossos móveis”.

Até o momento a postagem 5 mil comentários e 13 compartilhamentos. Carla disse que na ocasião, o casal passava pela ciclovia da Avenida Almirante Barroso, em frente ao Tribunal de Justiça do Estado, no bairro do Souza, em Belém.

Com informações:O Liberal

RECOMENDAMOS






Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.