Sabrina Psterski, tem apenas 24 anos e está prestes a se tornar Phd em Havard estudando uma dos assuntos mais desafiadores da física: buracos negros e a natureza da gravidade e do espaço tempo.

Ela não tem Twitter e quase não atualiza sua conta no Facebook. Filha de pai americano e mãe cubana, nascida no subúrbio de Chicago, nos Estados Unidos, estudou em uma escola para crianças superdotadas.

Mas a trajetória de Sabrina não começou agora. Aos 16 anos se tornou a pessoa mais jovem a construir, certificar como aeronavegável e pilotar seu próprio avião.

Mulher em destaque

Em 2013, foi a primeira mulher em 20 anos a formar-se em física no MIT entre os melhores da turma.

Na sequência, Sabrina se qualificou com nota máxima para um PhD em Harvard. Impressionados com a sua mente e seu trabalho, seus professores a batizaram de a “nova Einstein”.

Sabrina chegou a ser citada em 2016 por ninguém menos que Stephen Hawking, que citou o seu trabalho mais de uma vez em jornais publicados em 2016.

O fundador da Amazon Jeff Bezos, fã declarado de Sabrina, chegou a convidá-la para trabalhar  em uma das suas empresas a Blue Origin, empresa de astronáutica. Porém ela recusou pois está focada nos estudos por hora.

Também foi escolhida uma das 30 personalidades com menos de 30 anos pela revista Forbes em 2016.

Leia também: 08 filmes animados da Pixar que tem um profundo significado psicológico

Porém com toda a badalação em torno do seu nome, Sabrina teve uma atitude surpreendente, mesmo com todos os holofotes voltados para ela, resolveu deixar de conceder entrevista e afastar-se da mídia.

Em seu site oficial ela deu a seguinte justificativa, “sou apenas uma universitária. Tenho muito a aprender. Não mereço a atenção”.

Não é bem verdade, mas talvez tenha sido melhor assim. A imprensa já tinha chegado naquela irritante fase em que começa a perguntar sobre namorados.

Deixem a moça trabalhar, colegas. Ciência, como Sabrina já aprendeu, não se faz sob holofotes.

Informações de: Abril

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.

COMENTÁRIOS