Por: Rafael Magalhães

Ei, garota! Agora já pode voltar a sorrir. É o fim de toda dor. Enxugue o rosto e sinta orgulho de si.

Você foi uma verdadeira guerreira! Quanta generosidade ao dividir a sua luta com tanta gente.

Que demonstração linda de fé e amor pela vida. Nós aqui, que acompanhamos a sua batalha, passamos os últimos meses clamando por sua cura. E, depois de tanto sofrimento, ela finalmente chegou.

Talvez não do jeito que gostaríamos, mas chegou. Você está livre, garota! Segue o seu caminho aí que nós aqui tentaremos aprender a conviver com a sua falta.

É que foi mesmo impossível não se encantar com você e com sua fé inabalável.

Foi impossível não admirar o companheirismo do seu namorado. Foi impossível não nos tornarmos mais gratos e mais resilientes com os nossos problemas.

E, por tudo isso, também será impossível te esquecer. Você nos ensinou muito em pouco tempo.

A lágrima é de saudade, mas fica a certeza de que você está bem melhor agora. Missão cumprida, Nara Almeida!

Você passou por essa vida para que todos nós aprendêssemos a valorizar mais a nossa.
Foi a mais linda das lições.

Vá em paz e sinta-se abraçada pelos milhões de corações que você cativou por aqui.

Fonte:Blog Precisava Escrever

COMPARTILHAR

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.