“E estou longe de encerrar minha jornada! ”, escreveu Fernanda Young no Instagram

Escritora, autora, atriz, apresentadora, animou, e fascinou a todos produzindo uma nova maneira de fazer humor na TV, um de seus trabalhos foi “Os Normais”

Fernanda Young era uma pessoa amada, abusada, polêmica, divertida, ousada, irônica e escrachada.
Descrever a pessoa e a atriz não era tarefa fácil, e ela afirmava que adorava isso. Contudo, ao ver sua vasta experiência na TV fica muito evidente que ela era talentosa, inovadora, provocativa e muito corajosa.

Neste domingo, 25/08, familiares e amigos próximos se despediram de Fernanda em um velório em SP.
Juntamente com Alexandre Machado, seu marido, inovaram e criaram um novo jeito de fazer humor na TV.

Em 1995, começou com a tarefa dificílima de transformar em série na TV Globo “A Comédia da Vida Privada”, escrita por Luis Fernando Veríssimo.

Ali se fazia rir sem ser óbvio (tarefa difícil). O motivo das piadas eram o dia a dia de todos nós, normais. Aquilo que vivemos em nosso cotidiano.

Os Normais

E foi exatamente essa tal “normalidade” que alavancou Fernanda e Alexandre para caminhos mais promissores na TV. Nasce então “Os Normais”, com a participação de Vani (Fernanda Torres) e Rui (Luiz Fernando Guimarães), Fernanda nos mostrava um lado “Surtado”.

Mesmo não gostando de assumir, a personagem Vani apresentava um certo alter ego de Fernanda.
O pensamento que permeava a trama era “brincar com aquelas loucuras que fazemos diariamente. Rui e Vani em seus diálogos, cheios de metalinguagens, continuamente abordavam situações típicas da vida a dois, claro, com tom bem aumentado, para deixar mais cômica cada situação.

Tamanha “coincidência” com a vida normal das pessoas levou ao sucesso por três anos nas noites de sexta-feira na Globo. Assim sendo, Os normais foi encerrado no auge do sucesso e fama.

Saia Justa

Seu talento a levou a ser apresentadora, como parte do time principal do “Saia Justa”, do GNT. Com um belo elenco integrado por Mônica Waldvogel, Marisa Orth e a cantora Rita Lee, programa repleto de debates de Luluzinhas na TV paga.

Foi o melhor time do programa. Fernanda com suas falas vivia “causando”. Semanalmente soltava uma “pérola” ou frase polêmica, a qual repercutia nos próximos dias. Participou deste programa de 2002 a 2004. Em seguida fez um Talk Show divertidíssimo neste canal, o “Irritando Fernanda Young”, com famosos como Fernanda Montenegro que esbanjava mal humor ao lado dos principais do programa.

Com 49 anos, negociava uma nova produção para a Globo. Estava prontíssima para estrear novo trabalho no teatro. Realmente se entregava e amava tudo o que fazia. E tinha pouquíssimos amigos íntimos, pois dizia sempre que “Não mendigava afeto”.

“Tenho poucos amigos, porque acho mais inteligente ser seletiva a respeito daqueles que você escolhe para contar os seus segredos”, afirmava.

Veja aqui sua última postagem no instagram:

RECOMENDAMOS




COMENTÁRIOS




Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.