Por: Sábias Palavras

Vilma Wong é uma enfermeira de 54 anos que trabalha na unidade de terapia intensiva neonatal (UTIN) do Hospital Infantil Lucile Packard em Palo Alto, Califórnia, há 32 anos. Por isso, é normal, que durante todos este anos, já lhe tenham passado inúmeros bebés pelas mãos.

Contudo, um desses bebes acabou por se tornar ainda mais especial ao começar a trabalhar ao seu lado no mesmo hospital em que nasceu.

Brandon Seminatore é um homem que, ao ter nascido prematuro às 26 semanas, precisou de cuidados intensivos neonatais, tendo sido cuidado por Vilma.

“Eu fiquei muito desconfiada porque me lembro de ter cuidado de um bebe com o mesmo sobrenome”, explicou Wong ao Metro.

Brandon tem, inclusive, uma foto tirada dos dois quando este tinha ainda poucos dias de vida.

“Perguntei se o seu pai era policial e houve um grande silêncio e então ele perguntou-me se eu era a Vilma. ‘Eu disse sim’.”, continuou Vilma.

De acordo com Brandon, a mãe deste havia-lhe pedido para perguntar por Vilma ao saber que o filho ia trabalhar para o mesmo hospital em que nasceu. Contudo, este achava que ao fim de tantos anos, a enfermeira já se tinha reformado.

“Eu fiquei em choque inicialmente, mas muito feliz por saber que eu cuidei dele há quase 30 anos e agora ele é como um residente pediátrico para a mesma população que ele fazia parte quando nasceu.“, disse Vilma.

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.