Um rapaz de apenas 23 anos resgatou uma idosa, que vivia em local insalubre e levou a mulher para morar na casa dele.

Esdras Andrade é um jovem adestrador de São José dos Campos, no interior de São Paulo, que se acostumou a resgatar animais abandonados e vítimas de maus-tratos.

Dois anos depois, em 2017, depois de denúncias de maus-tratos contra bichinhos, Esdras conheceu dona Cidinha, e ficou arrasado com a situação dela. Ele encontrou a idosa de 83 anos, acamada, vivendo em condições insalubres, junto com os animais de estimação dela e muitos ratos.

Dona Cida estava abaixo do peso, com um ‘bolor’ na dentadura e sarna nos braços. Havia lixo acumulado e entulho na casa. A cama de Cidinha estava suja de urina. Ela passava dias sem tomar banho.

Como não tem filhos, a idosa dependia da ajuda de vizinhos, que nem sempre podiam estar presentes.

A boa ação

Esdras levou os animais para o Projeto Abrigo Escola, que administra e passou a ir à casa de Cidinha todos os dias, para convencê-la que não era bom ela ficar sozinha. Ele enviou um ofício para a prefeitura pedindo que levassem a idosa para um abrigo.

Antes que a resposta das autoridades chegasse, Esdras conseguiu levar dona Cidinha para a casa dele.

Ele e voluntários do Projeto Abrigo Escola fizeram um mutirão de limpeza e pintaram a casa da idosa, mas ela havia chance de dona Cidinha voltar a morar sozinha.

Ratos

“Ela dizia que não ficava sozinha, que os bichos subiam na cama, mas eram ratos. Então, eu a abracei como se fosse parte de mim, e fiz tudo o que pude por ela. Em casa, eu conseguia dar atenção pra ela 24 horas por dia”, disse Esdras em entrevista ao RPA.

Foram 51 dias de amor e cuidado, até o abrigo chamar Dona Cida. A despedida deixou saudades, mas Esdras visita Cidinha sempre que ele pode.

“A minha vida é muito corrida, mas sempre que posso eu vou visitá-la. Sempre levo um cachorrinho, não só pra ela, mas também para os outros idosos.”

Ajuda

Esdras, apesar de tão jovem está à frente do Projeto Abrigo Escola, em São José dos Campos. O lar tem mais de 100 animais, entre cães e gatos e fica em um terreno alugado.

Esdras sonha em construir um espaço próprio. Ele já tem uma parte do valor, mas falta o restante. Por isso abriu uma vaquinha no Voaa, do Razões para Acreditar, e tenta arrecadar R$ 210 mil para comprar o terreno.

Para ajudar, clique aqui.

Via:SNB

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.