Por: Redação da Revista Bem Mais Mulher

Papa Francisco, divulgou em seu Twitter uma mensagem pedindo para todos magistrados que operam para combater as injustiças que sejam isentos do favoritismo, “Juízes, sua independência deve ajudá-los a serem isentos do favoritismo e de pressão que possa contaminar suas decisões‘, disse o pontífice.

O vídeo postado, mostra imagens de julgamentos enquanto o Papa Francisco dá um conselho aos membros da justiça. “Os juízes devem seguir o exemplo de Jesus, que nunca negocia a verdade.”

No mesmo instante, muitos seguidores do líder da igreja católica, associaram a mensagem com os atuais escândalos envolvendo o ministro da Justiça brasileira e os procuradores da operação Lava Jato.

Papa e os acontecimentos no Brasil

O Papa Francisco já se pronunciou outras vezes sobre os acontecimentos no Brasil, Um exemplo disso foi no mês de maio, quando o líder enviou uma carta ao ex-presidente Lula, preso pela Lava Jato, pedindo coragem para o petista não desanimar.

“Tendo presente as duras provas que o senhor ultimamente, especialmente a perda de alguns entes queridos – sua esposa Marisa Letícia, seu irmão Genival Inácio e, mais recentemente, seu neto Arthur de somente 7 anos -, quero lhe manifestar minha proximidade espiritual e lhe encorajar pedindo para não desanimar e continuar confiando em Deus”, diz a carta

RECOMENDAMOS



COMENTÁRIOS




Bem Mais Mulher
Sobre a inteligência, a força e a beleza feminina.